24°
Máx
17°
Min

Irã vence e se garante na disputa do vôlei masculino na Olimpíada pela 1ª vez

A seleção iraniana masculina de vôlei realizou um feito histórico neste sábado e se garantiu nos Jogos Olímpicos pela primeira vez na história. Na penúltima rodada do Pré-Olímpico Mundial, em Tóquio, o país derrotou a já classificada Polônia por 3 sets a 1, com parciais de 25/20, 25/18, 20/25 e 34/32, e confirmou o direito de vir ao Rio.

Esta é a primeira vez que o Irã disputará o torneio de vôlei masculino na Olimpíada desde que a modalidade foi adotada nos Jogos, em 1964. De lá para cá, 13 edições já haviam sido disputadas sem a seleção do país, que quebrou a sequência com a vaga obtida no Pré-Olímpico Mundial.

O resultado deste sábado deixou o Irã na segunda colocação do Pré-Olímpico, com cinco vitórias e uma derrota e 13 pontos ganhos, atrás somente da França, que também está classificada à Olimpíada e derrotou neste sábado o Japão por 3 sets a 2 (25/21, 23/25, 25/11, 20/25 e 15/9). A Polônia, outra já garantida, está em terceiro.

Como a competição também vale como Pré-Olímpico Asiático, a disputa do Irã era contra China, Austrália e Japão. A presença do Irã entre os três primeiros colocados abrirá vaga para o quarto colocado da competição ficar com a terceira vaga em jogo no Pré-Olímpico Mundial.

Essa última vaga deverá ficar entre Austrália e Canadá. As duas equipes têm três vitórias e duas derrotas e dependem do resultado na última rodada para saber quem virá ao Brasil. Os australianos pegam a Polônia, enquanto os canadenses duelam com a China.

Por enquanto, estão classificados Brasil, Estados Unidos, Itália, Argentina, Rússia, Egito e Cuba, além de Irã, França e Polônia, vindos do Pré-Olímpico Mundial. Dos times que estão na primeira divisão da Liga Mundial, só Bulgária, Sérvia e Bélgica não estão garantidos na Olimpíada. A Austrália ainda briga.