26°
Máx
19°
Min

Larissa/Talita e Ágatha/Bárbara avançam e vão se enfrentar na semi em Hamburgo

A final feminina do Major de Hamburgo, na Alemanha, terá uma representante do Brasil. Em uma prévia do que pode acontecer na Olimpíada do Rio, Larissa/Talita vai enfrentar Ágatha/Bárbara Seixas em uma das semifinais, no sábado. Na outra chave estão as norte-americanas Ross/Walsh e as alemãs Ludwig/Walkenhorst. Essas são, pela ordem, as quatro primeiras colocadas do ranking olímpico, que fecha exatamente após o Major em Hamburgo.

Independente da ordem de classificação no torneio, o Top 4 do ranking olímpico não muda, mantendo Larissa/Talita como primeira cabeça de chave, Ágatha/Bárbara como segunda, as americanas em terceiro e as alemãs em quarto. No Rio-2016, elas não devem se enfrentar até a semifinal, a não ser que tropecem na fase de grupos.

Nesta sexta-feira, o dia foi de três rodadas de jogos no feminino, começando pela repescagem. Duda/Elize Maia venceu Labondeur/Sude, da Alemanha, e garantiu a quinta dupla brasileiras na oitavas de final.

Nesta fase, as jovens perderam para Bawden/Casey, da Austrália. Larissa/Talita fez 2 a 0 (21/17 e 21/16) em Matauatu/Pana, de Vanuatu, enquanto Ágatha/Bárbara passou por Menegatti/Orsi Toth, da Itália, também por 2 a 0 (21/10 e 21/17). Juliana/Taiana eliminou Gallay/Klug, da Argentina, enquanto Lili/Maria Elisa caiu para Elsa/Liliana, da Espanha.

Nas quartas de final, Larissa/Talita atropelou Meppelink/Van Iersel, da Holanda, sexta do ranking mundial, por 2 a 0 (21/18 e 21/12). Já Ágatha/Bárbara passou por Bawden/Clancy, da Austrália, sétima do mundo, por 2 a 1 (21/23, 26/24 e 15/8). Juliana e Taiana foram eliminadas por Ludwig/Walkenhorst.

HOMENS NÃO VÃO BEM - No masculino, só uma dupla brasileira segue viva: Alison/Bruno Schmidt. Os atuais campeões mundiais tiveram campanha 100% na fase de grupos e avançaram direto às oitavas de final. Lá, venceram Kadziola/Szalankiewicz, da Polônia, por 2 sets a 1 (21/18, 19/21, 15/13). Nas quartas de final, eles pegam os mexicanos Virgen e Ontiveros.

Outras três duplas brasileiras foram eliminadas nesta sexta-feira, antes das quartas de final. Na repescagem, Guto/Saymon caiu exatamente diante de dupla da Polônia depois derrotada por Alison e Bruno. Álvaro Filho/Vitor Felipe perdeu para a dupla do México.

Já o outro time olímpico do Brasil, Pedro Solberg/Evandro, começou o dia na repescagem com vitória sobre os canadenses Schalk/Saxton na repescagem, por 2 sets a 0 (21/19 e 21/8). Na sequência, eles foram eliminados pelos espanhóis Herrera e Gavira, também por 2 a 0 (21/15 e 30/28).

No ranking mundial, Pedro e Evandro ocupam o segundo lugar, mas podem perder o posto para Brouwer/Meeuwsen, da Holanda, que está nas quartas de final. Alison e Bruno são líderes do ranking e serão cabeças de chave número 1 no Rio.