22°
Máx
16°
Min

Rexona-Sesc Rio perde para campeãs europeias e se complica no Mundial de Vôlei

O Rexona-Sesc Rio se complicou na disputa do Mundial de Clubes Feminino de Vôlei, que está sendo realizado nas Filipinas. Nesta quarta-feira, em seu segundo compromisso pelo Grupo A, a equipe dirigida por Bernardinho perdeu para o Pomi Casalmaggiore, da Itália, por 3 sets a 2, com parciais de 17/25, 25/20, 25/20, 19/25 e 18/16.

Com a derrota para as atuais campeãs europeias, o time do Rio de Janeiro, que havia triunfado na estreia e se classificou para o Mundial com a conquista do título sul-americano, terá que vencer nesta quinta-feira o Eczacibasi Vitra, a partir das 3 horas (de Brasília) para não depender de uma improvável combinação de resultados para avançar às semifinais do torneio.

Próximo adversário do time de Bernardinho, a equipe turca estreou no Mundial com uma vitória por 3 sets a 0 sobre o Pomi Casalmaggiore e conta com a brasileira Thaísa no seu elenco.

No duelo entre as campeãs europeia e sul-americana, as duas equipes oscilaram bastante nos quatro primeiros sets. O time do Rio de Janeiro dominou a primeira e a quarta parcial, vencidas com bastante facilidade, mas não tiveram muitas chances para evitar a derrota no segundo e no terceiro sets.

Assim, a definição da partida ficou para o tie-break. O time italiano abriu 7/4, mas depois a equipe de Bernardinho reagiu e equilibrou o confronto. Porém, desperdiçou três match points e acabou sendo superada.

Gabi foi o principal destaque da equipe carioca no jogo ao marcar impressionantes 29 pontos, enquanto a holandesa Anne Brujis fez 18. A croata Samanta Fabris terminou com 24 acertos pela equipe italiana, oito a mais do que Lucia Bosetti.

No outro duelo disputado nesta quarta, o Volero Zurich encaminhou a sua classificação às semifinais ao bater por 3 sets a 0 o japonês Hisamitsu Springs, obtendo o seu segundo triunfo em dois jogos no Grupo B. O time suíço conta no seu elenco com as brasileiras Mari Paraíba e Fabíola.

Os dois primeiros colocados de cada chave avançam às semifinais do Mundial de Vôlei, que terá a sua final no próximo domingo. No ano passado, o time do Rio de Janeiro foi o quarto colocado na competição.