22°
Máx
14°
Min

Enfermeira é assassinada a tiros em frente à UBS onde trabalhava

Uma enfermeira de 35 anos foi assassinada a tiros na manhã desta sexta-feira, 22, em frente à Unidade Básica de Saúde (UBS) da República, na região central da cidade de São Paulo, onde ela trabalhava. O suspeito de ter cometido o crime foi preso pela Polícia Militar.

O crime aconteceu por volta das 7 horas, na porta da UBS, localizada na Praça da Bandeira. A vítima morreu no local. O autor dos disparos foi levado ao 1º Distrito Policial (Sé) e, até as 15 horas, ainda não havia prestado depoimento.

Informações preliminares indicam que o suspeito também era enfermeiro e que teria tido um relacionamento com a vítima.

Em nota, a Secretaria Municipal da Saúde de São Paulo lamentou a morte. "Funcionária da unidade desde 2011, F.S.L. atuava na equipe de Consultório Na Rua, voltado ao atendimento à população em situação de rua, com dedicação e zelo."