22°
Máx
16°
Min

Falsos agentes da dengue invadem casas em São Roque

Criminosos estão se passando por agentes de combate à dengue para roubar moradores em São Roque, interior de São Paulo. Em menos de um mês, quatro casos foram registrados pela Polícia Civil. As vítimas, em três deles, foram pessoas idosas. A cidade registra casos de dengue e a prefeitura pediu à população que não impeça a entrada dos agentes, mas exija que apresentem o crachá de identificação.

Em um dos casos, dois falsos agentes usaram um revólver para dominar um casal de idosos no bairro Vinhedo. Eles se apresentaram usando uma prancheta, como fazem os agentes verdadeiros. Assim que o homem abriu o portão, foi rendido e levado para dentro da residência, onde sua esposa também foi dominada.

Os criminosos fugiram levando o dinheiro que o casal guardava em casa. Em outro roubo, os dois bandidos ficaram meia hora no interior da residência, depois de trancar os moradores - um casal - no banheiro. Os bandidos levaram também uma aliança de ouro.

A prefeitura informou que os onze agentes do Centro Municipal de Zoonoses visitam as casas todos os dias uniformizados e com crachás de identificação. Viaturas do serviço público acompanham os profissionais. De acordo com a supervisora Elaine Cristina Cerqueira, a ação dos bandidos já resultou em um aumento na recusa dos moradores em permitir a entrada dos agentes.

Em janeiro, a cidade notificou 35 casos de dengue, sendo cinco confirmados. Em 2015, São Roque viveu uma epidemia de dengue.