22°
Máx
16°
Min

Governo alega 'problemas técnicos' e adia inscrições do Bolsa Atleta

(Foto: Divulgação)  - Governo alega 'problemas técnicos' e adia inscrições do Bolsa Atleta
(Foto: Divulgação)

"Quem é o ministro?" não é a única indecisão dentro do Ministério do Esporte. Nesta quarta-feira, poucas horas após noticiar a abertura de inscrições para o Bolsa Atleta na quinta, a pasta voltou atrás e alegou problemas técnicos para adiar o início do processo.

"O Ministério do Esporte informa que devido a problemas técnicos as inscrições para o programa Bolsa Atleta, exercício 2016, foram adiadas e não terão início nesta quinta-feira. O calendário com os novos prazos será divulgado posteriormente respeitando o limite de dias estabelecidos no edital do programa", diz o breve comunicado do ministério.

Pela programação prevista no edital publicado nesta quarta-feira no Diário Oficial da União, as inscrições seriam abertas na quinta-feira, estendendo-se até o próximo dia 7 de abril. O atraso no início do processo deve afetar também a divulgação da lista de contempladas, prevista para o período de 7 a 10 de junho.

O edital do Bolsa Atleta é assinado pelo secretário de Alto Rendimento do Ministério do Esporte, Ricardo Leyser. O técnico, ligado ao PCdoB paulista, é apontado como o substituto de George Hilton, que perdeu a pasta de forma peculiar.

O PRB, partido que levou Hilton ao cargo, entregou o ministério à presidente Dilma e ele preferiu se filiar ao PROS acreditando que, assim, não perderia o emprego. Mas o PRB se reaproximou do governo e pediu o ministério de volta. Filiado ao PROS, Hilton deixa a pasta para o PRB reassumi-la por meio de Leyser, que manteria os cargos que o PRB ocupa no segundo escalão.