22°
Máx
14°
Min

Grupo bloqueia rua e rouba carro-forte na zona leste de SP

Um grupo armado roubou um carro-forte no início da noite desta quarta-feira, 10, em Guaianases, na zona leste da capital. Os criminosos usaram um caminhão e uma van para bloquear o carro-forte na rua Jerônimo Dias Ribeiro e dificultar a chegada da Polícia Militar.

Segundo informações da Polícia Militar, o assalto ocorreu por volta das 18h45, quando 15 homens atravessaram o caminhão e a van na rua. Eles renderam os vigilantes e usaram explosivos para acessar o dinheiro. Todo o valor foi levado, segundo a polícia.

O grupo fugiu em direção à Cidade Tiradentes e teriam disparado contra os policiais. Até a manhã desta quinta-feira, 11, ninguém havia sido preso.

Em nota, a empresa de transporte de valores Protege confirmou o roubo e disse que não houve o registro de feridos durante a ação. "A Protege aguarda a apuração dos fatos e, para isso, colabora com as autoridades policiais em sua investigação", disse em nota.

Destino

Em junho, a reportagem mostrou que o Primeiro Comando da Capital (PCC) foi o responsável pelos três grandes roubos a empresas de transportes de valores ocorridos neste ano e que renderam pelo menos R$ 138 milhões aos criminosos, segundo as investigações do Departamento de Investigações Criminais (Deic), da Polícia Civil.

Os policiais têm uma lista de indícios que ligam as três ações, ocorridas em março, na sede da Protege, em Campinas; em abril, na Prosegur, em Santos; e em julho, também na Prosegur, em Ribeirão Preto. Para os investigadores, os crimes foram planejados pelo mesmo grupo, que reuniria três bandos em uma espécie de consórcio criminoso.