24°
Máx
17°
Min

Grupo sem-teto ocupa plenário da Câmara Municipal de São Paulo

Representantes da "Comunidade do Cimento", favela erguida sob o Viaduto Bresser, na zona leste de São Paulo, ocuparam o plenário da Câmara Municipal na tarde desta quarta-feira, 11, para protestar contra a reintegração de posse do terreno, marcada para domingo, a partir das 6 horas. Liderado pelo padre Júlio Lancelotti, da Pastoral da Rua, o grupo pediu ajuda aos vereadores para adiar a saída dos moradores.

Surpreendido, o presidente da Casa, Antonio Donato (PT), adiou o início da sessão plenária e deu voz aos manifestantes. Lancelotti reivindicou uma atenção maior do poder público à população da rua, que "cresce a olhos nus" e ampliação dos programas habitacionais, especialmente o modelo de locação social, onde as famílias pagam aluguel subsidiado pela Prefeitura.

Donato explicou que a Câmara Municipal não tinha como intervir no processo, já que a ação de reintegração é pedido da Prefeitura, mas se comprometeu a argumentar com a gestão Fernando Haddad (PT) sobre a possibilidade de dilação do prazo. Diante da proposta, o grupo deixou a Casa.