22°
Máx
16°
Min

Mais uma pessoa é morta pela PM durante buscas por traficante no Rio

Uma nova operação da Polícia Militar para prender o traficante Nicolas Labre Pereira de Jesus, o Fat Family, na manhã desta terça-feira, 28, deixou mais uma pessoa morta. O homem teria morrido em confronto com policiais, no Morro dos Chaves, em Barros Filho, zona norte do Rio de Janeiro.

Nove pessoas já morreram durante ações da polícia para prender o traficante, que foi resgatado por bandidos armados no Hospital Souza Aguiar, na região central do Rio.

As buscas desta terça-feira estão sendo realizada por 27 batalhões da Polícia Militar em favelas do Rio. De acordo com o 41° batalhão (Irajá), policiais militares encontraram criminosos armados no Morro dos Chaves, que atiraram contra as viaturas. Houve revide e confronto.

"Um suspeito foi baleado e socorrido para o Hospital Estadual Carlos Chagas, mas não resistiu. Com ele, os agentes apreenderam um fuzil e um rádio transmissor", informou a PM.

Já no Morro São José do Operário, na Praça Seca, na zona oeste, policiais militares tiveram que desmontar barricadas feitas por traficantes.

Operações

Cinco pessoas morreram em uma operação, na Favela do Rola, em Santa Cruz, na zona oeste, na quarta-feira, 22. A PM divulgou que os cinco mortos eram traficantes que reagiram à ação policial. Nenhum suspeito ligado ao resgate do traficante foi encontrado.

Na última sexta-feira, 24, 80 policiais civis fizeram uma operação na Favela Nova Holanda, na zona norte, para prender o traficante. Segundo informações da polícia, Fat Family estava no local havia dois dias, mas teria fugido. Nesta ação, três pessoas morreram.