20°
Máx
14°
Min

Sabesp suspende negociações com o município de Guarulhos

A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) informa que não foi possível alcançar uma solução de consenso com o município de Guarulhos sobre dívidas existentes. Dessa forma, a empresa suspendeu as negociações, mas comunica que continuará a envidar todos os esforços, tanto nas esferas administrativas como judicial, para recuperar os créditos devidos.

No dia 8 de janeiro, a Sabesp celebrou um protocolo de intenções com Guarulhos para elaborar estudos e avaliações para equacionar as relações comerciais e dívidas.

No início de 2015, advogados da Sabesp informaram que estudavam medidas judiciais para cobrar da cidade uma dívida de cerca de R$ 140 milhões. Segundo afirmou, na época, Rubens Naves, advogado da empresa, a prefeitura não pagava as mensalidades previstas em contrato desde março de 2014.

Em junho de 2015, a Sabesp informou que se reuniu com representantes do município para tratar das dívidas e relações comerciais, mas naquela ocasião também não houve qualquer documento ou acordo firmado entre as partes.