22°
Máx
17°
Min

Temer lamenta tragédia com estudantes e promete acionar órgãos de fiscalização

(Foto: Beto Barata/PR) - Temer lamenta tragédia com estudantes e promete acionar órgãos de fiscalização
(Foto: Beto Barata/PR)

O presidente em exercício Michel Temer (PMDB) declarou estar "chocado" com o acidente que matou 18 estudantes na noite desta quarta-feira, 8, na Rodovia Mogi-Bertioga. Em sua conta no Twitter, também prometeu chamar os órgãos de fiscalização para evitar a ocorrência de novas tragédias.

Força-tarefa

O governador Geraldo Alckmin (PSDB) acionou uma força-tarefa para a identificação dos corpos e, em nota, também se manifestou sobre o acidente com os estudantes. "Estamos fazendo todos os esforços para minimizar a dor das famílias nesta tragédia que tirou a vida de pelo menos 18 jovens e deixou ao menos outros 15 feridos", afirmou.

Acidente

De acordo com as equipes de socorro iniciais, o veículo levava estudantes das Universidade de Mogi das Cruzes (UMC) e Braz Cubas (UBC) para a cidade de São Sebastião, no litoral norte de São Paulo. Também estariam no coletivo alunos da Escola Técnica Estadual (Etec) de Mogi. O acidente aconteceu no km 84, entre Mogi das Cruzes e Bertioga. Ainda segundo informações dos bombeiros, o motorista perdeu o controle do veículo, colidiu de frente com um rochedo na pista contrária e caiu em uma ribanceira.