22°
Máx
14°
Min

Tiroteio após sequestro-relâmpago deixa dois feridos na Gávea

Duas pessoas ficaram baleadas após um tiroteio na Gávea, Zona Sul do Rio, na noite de sábado (23). A troca de tiros ocorreu após a perseguição da Polícia Militar a três criminosos que participavam de um sequestro relâmpago. Um dos bandidos, de 15 anos, foi atingido na perna. O outro ferido, um pedestre que passava no local no momento do confronto, foi atingindo no ombro. Ambos foram levados ao Hospital Miguel Couto, na Gávea.

O sequestro começou na Barra da Tijuca, na Zona Oeste, a cerca de 15 km do local do confronto, por volta das 20h30. Duas mulheres foram abordadas pelos criminosos na saída de um condomínio. Elas foram levadas até uma agência bancária no bairro do Jardim Botânico, onde sacariam dinheiro para os bandidos. Policiais militares que passavam pelo local desconfiaram da situação e seguiram o carro onde estavam as vítimas e três bandidos.

A perseguição chegou até a praça Sibélius, na Gávea, onde criminosos e policiais trocaram tiros. Um bandido fugiu e outro foi preso e levado à 14ª Delegacia de Polícia do Leblon, onde o caso está sendo investigado. Com os criminosos, foi encontrada uma arma de brinquedo além carteiras e celulares roubados de outras vítimas, ainda na praia da Barra. A arma de verdade dos criminosos não foi localizada. As vítimas do sequestro não ficaram feridas.