27°
Máx
13°
Min

Palestra gratuita aborda 'Síndromes Gripal e Respiratória Aguda Grave'

(Foto: Rafael Danielewicz / Central Press) - Palestra gratuita aborda 'Síndromes Gripal e Respiratória Aguda Grave'
(Foto: Rafael Danielewicz / Central Press)

Com a queda das temperaturas e a proximidade do inverno aumenta a probabilidade de casos de síndrome gripal, principalmente em idosos. Por isso, pensando na qualidade de vida da população com mais de 60 anos, o Viver Mais VITA – Melhor Idade, programa mensal de palestras gratuitas do Hospital VITA, voltado para o público idoso da terceira idade, promove mais um encontro sobre o assunto. A convidada é a enfermeira-chefe do Núcleo de Controle de Infecção Hospitalar do VITA, unidade do Batel, Solange Matsumoto. O evento gratuito acontece neste sábado (30), a partir das 8h30, no VITA, localizado na Rua Alferes Ângelo Sampaio.

Solange destaca que é importante explicar o que são síndromes gripais e síndromes gripais agudas graves, e as diferenças entre gripe e resfriado. Ela também vai abordar os tipos de vírus que circulam nesta época do ano e as diferenças entre eles, dentre as quais estão as variações do Influenza, responsável pela gripe H1N1.

Entre os tópicos que serão abordados pela enfermeira estão dicas de prevenção,como evitar aglomeração, não compartilhar talheres, higienizar as mãos, manter o ambiente arejado, e imunização, além das diferenças entre as vacinas trivalente e tetravalente e quais são os grupos de risco. “Todas as pessoas a partir de seis meses de vida podem ser vacinadas e desta forma ficarem protegidas das complicações causadas pelo vírus influenza e suas variações”, explica Solange. 

São considerados indivíduos de risco e que têm direito de receber a vacina gratuita oferecida pelo SUS

  • Pessoas com mais de 60 anos;
  • Adultos e crianças com problemas pulmonares e cardíacos como asma, enfisema, bronquites crônicas, tuberculose e hipertensão;
  • Fumantes de uma maneira geral;
  • Gestantes a partir do 3º mês;
  • Pessoas com doença renal crônica;
  • Pessoas anêmicas;
  • Pessoas doentes que estejam em fase de tratamento que reduz a imunidade(quimioterapia e portadoras do vírus HIV);
  • Diabéticos;
  • Pessoas que não possuam alergia às substâncias que compõem a vacina;
  • Pessoas que dormem em grandes grupos como os albergados; 
  • Todos os indivíduos que convivem com esses grupos e profissionais da saúde de uma maneira geral.

Mas Solange lembra que todos devem se precaver: "quem não faz parte destes grupos pode procurar pela imunização em instituições particulares que aplicam vacinas”.

O "Viver Mais VITA - Melhor Idade" foi criado em 2009 com o objetivo de promover ações que visam melhorar a saúde e prevenir doenças que afetam a população com mais de 60 anos. O encontro inicia com café da manhã, seguido por palestra e atividades físicas e culturais, que têm como finalidade incentivar e aprimorar os hábitos saudáveis.

O programa conta também com o apoio do Lanac - Laboratório de Análises Clínicas, que oferece exames preventivos aos 30 primeiros inscritos. Para participar do evento, que tem vagas limitadas, é necessário fazer inscrição pelo telefone (41) 3883-8414. 

Terceira idade

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontam que, no Brasil, são quase 26,1 milhões de pessoas com mais de 60 anos, ou seja, 13% dos habitantes do país. No mundo, o número de idosos com idade acima dos 65 anos era de 506 milhões em 2008, segundo o Departamento do Censo dos EUA. A entidade prevê que a terceira idade componha 14% da população global em 2040.

SERVIÇO

Programa Viver Mais VITA - Melhor Idade
Palestra “Síndromes Gripal e Síndrome Respiratória Aguda Grave”, com a enfermeira Solange Matsumoto
Data: sábado, 30 de março, a partir das 8h30
Local: Hospital VITA Batel - Rua Alferes Ângelo Sampaio, 1.896 - Batel -Curitiba - PR
Entrada Gratuita (vagas limitadas)
Informações e inscrições: (41) 3883-8414
www.hospitalvita.com.br