27°
Máx
13°
Min

BB busca fomentar comércio eletrônico através de boleto registrado

O Banco do Brasil está lançando uma solução para reduzir em até quatro dias o tempo de liquidação de boletos bancários através dos boletos registrados para serviços de comércio eletrônico. Segundo João Carlos Pinto de Mello, gerente executivo de Soluções de Atacado do Banco do Brasil, 100% do comércio eletrônico ainda trabalha com boleto sem registro e a ideia é que essa mudança, com um controle mais efetivo, possibilite essa redução no tempo de liquidação dos boletos. "A ideia é facilitar a vida do comerciante", disse.

De acordo com o executivo, o custo para emissão dos boletos registrados será o mesmo de carteira de cobrança comum, que é negociado caso a caso. Segundo o banco, a nova solução já gerou mais de 130 mil boletos em menos de um mês para apenas um cliente BB, enquanto funcionou como projeto piloto. Para implementação dessa solução, as empresas podem estabelecer a comunicação diretamente com o banco, reduzindo custos de integração, uma vez que não é exigida a contratação de intermediadores de pagamento.

A estimativa é que o Brasil tenha cerca de 450 mil lojas virtuais. Metade dos empresários do segmento e-commerce no BB está concentrada na região Sudeste, sendo São Paulo o Estado que mais possui lojas virtuais, representando 34% do total. O atual perfil do cliente que utiliza a solução do BB reforça o apoio à economia nacional e reconhece a importância dos negócios de varejo: 90% são empresas de varejo e 10% são grandes empresas.