22°
Máx
16°
Min

BC dos EUA reduz previsões para PIB do país em 2016 e 2017

Os dirigentes do Federal Reserve, o banco central norte-americano, cortaram suas projeções para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos neste ano e no próximo. De acordo com as novas projeções divulgadas há pouco, o PIB dos EUA deve crescer 2,0% em 2016, não mais 2,2% como nas projeções de março, e em 2017 a economia norte-americana deve avançar 2,0%, abaixo dos 2,1% antes esperados. Para o ano de 2018, a expectativa de crescimento continuou em 2,0%, mesmo patamar para a projeção para o crescimento no prazo mais longo, que ficou inalterado em relação a março.

A mediana das projeções para a inflação do Fed ficaram em 1,4% em 2016, acima dos 1,2% antes esperados, enquanto a para 2017 subiu de 1,8% em março para 1,9% agora. A previsão para inflação em 2018 seguiu em 2,0%. Já a expectativa para o avanço do núcleo da inflação no ano atual subiu de 1,6% em março para 1,7% agora, o de 2017 foi elevado de 1,8% para 1,9% e o do núcleo da inflação em 2018 manteve-se em 2,0%.

A previsão para o desemprego em 2016 continuou em 4,7% e a de 2017 seguiu em 4,6%, porém a de 2018 foi revisada em alta, de 4,5% em março para 4,6% agora. A expectativa para a taxa de desemprego no longo prazo seguiu em 4,8%.