22°
Máx
17°
Min

BCE corta taxas de juros, amplia compras de ativos e anuncia novas TLTROs

O Banco Central Europeu (BCE) decidiu hoje cortar suas principais taxas de juros, ampliar o volume mensal de compras de seu programa de relaxamento quantitativo (QE, na sigla em inglês) e lançar uma nova série de quatro operações de refinanciamento de longo prazo direcionadas, as chamadas TLTROs, como parte de um pacote de medidas para estimular a economia e a inflação da zona do euro.

Após reunião de política monetária, o BCE anunciou que reduziu sua taxa de refinanciamento, que é cobrada sobre empréstimos regulares concedidos ao setor bancário, de 0,05% para a mínima histórica de 0%. A taxa de depósitos também foi cortada, de -0,30% para -0,40%, o que significa que os bancos comerciais pagarão ainda mais para manter recursos excedentes depositados no BCE.

O BCE também anunciou que vai ampliar as compras mensais do QE, de 60 bilhões de euros para 80 bilhões de euros, a partir de abril.

Além disso, será lançada, em junho, uma nova série de quatro TLTROs, por meio das quais o BCE oferece empréstimos de longo prazo aos bancos, com a condição de que as instituições financeiras ampliem o crédito às empresas.

Logo mais, a partir das 10h30 (de Brasília), o presidente do BCE, Mario Draghi, irá falar em entrevista coletiva para comentar as decisões de hoje. (Sergio Caldas, com informações da Dow Jones Newswires - sergio.caldas@estadao.com)