22°
Máx
14°
Min

BNDES melhora condições para empresas exportadoras de pequeno e médio porte

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) alterou as condições da Linha BNDES Exim Pré-embarque, voltada a empresas exportadoras. As condições ficaram melhores para as empresas de pequeno e médio porte. Também as de médio porte, com faturamento de até R$ 300 milhões ao ano, ganharam importância com a nova política do banco.

Em comunicado, o banco afirma que as alterações fazem parte do "processo em curso de revisão do conjunto das políticas operacionais do BNDES, que tem por objetivo maior racionalização dos recursos do banco, priorizando segmentos de acordo com o grau das necessidades de suporte".

Pelas novas regras as pequenas e médias empresas passam a contar com financiamento 100% atrelado à TJLP, ao contrário das empresas maiores, que terão os juros atrelados à taxa Selic. Hoje, a TJLP está a 7,5% ao ano e a Selic, a 14,25%. Além disso, o banco se dispõe a financiar até 70% dos projetos das pequenas e médias empresas destinados à exportação.

Segundo o BNDES, por ser uma linha com "rápida velocidade de resposta às necessidades dos exportadores brasileiros", a Exim Pré-embarque continuará sendo uma alternativa às linhas tradicionais de mercado.