23°
Máx
12°
Min

BNDES reedita Prorenova com orçamento de R$ 1,5 bilhão

O Programa BNDES de Apoio à Renovação e Implantação de Novos Canaviais (BNDES Prorenova) será reeditado, anunciou nesta quarta-feira, 18, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O orçamento será de R$ 1,5 bilhão.

Em nota, o BNDES informou que a edição de 2016 do Prorenova terá algumas alterações. O destaque é o incentivo à maior utilização de novas variedades de cana-de-açúcar, cujo potencial de produtividade seja maior.

Segundo o BNDES, o limite de financiamento por grupo econômico foi mantido em R$ 150 milhões, mas as condições de juros foram aliviadas. Os recursos baseados na Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP, hoje em 7,5% ao ano), antes limitados a R$ 20 milhões, foram ampliados para até 70% do valor financiado. O restante do empréstimo fica referenciado na taxa Selic, hoje em 14,25% ao ano.

As condições financeiras do Prorenova incluem ainda remuneração básica de 1,5% ao ano para o BNDES, taxa de intermediação financeira de 0,1% ao ano para empresas de menor porte e de 0,5% ao ano para as de maior porte.