21°
Máx
17°
Min

Bolsas da Europa fecham em alta, beneficiadas por dados positivos dos EUA

As principais bolsas europeias encerraram o último pregão da semana em alta, influenciadas por dados melhores do que o esperado dos Estados Unidos que minimizaram a queda do petróleo e balanços mistos divulgados antes do pregão. O Stoxx 600 fechou em alta de 0,47%, aos 334,68 pontos. Na semana, o índice pan-europeu acumulou ganho de 0,90%.

As vendas no varejo em abril cresceram 1,3% na comparação anual, surpreendendo analistas. Este foi o maior avanço mensal do indicador desde março de 2015. Já o índice de preços ao produtor (PPI, na sigla em inglês) também apresentou melhora no mês, avançando 0,2% na mesma base de comparação, a primeira alta após dois meses seguidos de queda. O índice de sentimento do consumidor elaborado pela Universidade de Michigan subiu para 95,8 na estimativa preliminar de maio, de 89,0 na leitura final de abril.

Analistas pontuaram que os dados positivos dos Estados Unidos melhoraram o sentimento do investidor europeu, que era afetado pela queda do petróleo e por resultados trimestrais mistos na região. Entre as que divulgaram balanços, fabricante de satélites francesa Eutelsat liderou as perdas com queda de 27,56%, após a operadora cortar sua previsão para o ano. Já os papéis da Ubisoft avançaram 7,99% após a divulgação do balanço.

"Houve uma notável, ainda que difícil de justificar, mudança no sentimento na tarde desta sexta-feira, com os mercados superando a cautela do início do dia para acabar a semana próximos dos níveis em que eles a iniciaram", disse Connor Campbell, analista financeiro da Spreadex.

Em Londres, o índice FTSE-100 fechou na máxima, aos 6.138,50 pontos, alta de 0,56% no dia e 0,21% na semana, com destaque para a queda de 1,00% da Tullow Oil. Já em Paris, o índice CAC-40 fechou aos 4.319,99 pontos, alta de 0,62% no dia e 0,44% na semana.

Em Frankfurt, o DAX subiu aos 9.952,90 pontos, alta de 0,92% no dia e 0,84% na semana. As ações as montadoras foram destaque do dia após a Associação Europeia de Empresas Automobilísticas anunciar uma alta de 9% das vendas em abril. Os papéis da Volkswagen subiram 1,33%. Em Milão, o FTSE-Mib encerrou aos 17.729,45 pontos, alta de 0,44% no dia e queda de 0,64% na semana, com destaque para os papéis da Fiat (+2,24%).

Em Madri, o Ibex-35 fechou aos 8.721,50 pontos, alta de 0,67% no dia e 0,22% na semana. Já o PSI-20 da bolsa de Lisboa terminou aos 4.890,4 pontos, queda de 0,17% no dia e 2,00% na semana. Com informações da Dow Jones Newswires