22°
Máx
16°
Min

Bolsas da Europa fecham em leve alta com cautela antes de discurso de Yellen

As principais praças europeias fecharam em leve alta nesta segunda-feira, 6, pesando o bom desempenho das ações das mineradoras com a cautela antes do discurso da presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), Janet Yellen. O índice pan-europeu Stoxx 600 fechou em alta de 0,33%, aos 342,41 pontos.

Os índices iniciaram o primeiro pregão da semana em queda após receber um impulso negativo da Ásia, onde a bolsa de Tóquio teve forte recuo após a valorização do iene.

O otimismo, no entanto, ganhou destaque com o bom desempenho das commodities, que sobem na esteira do enfraquecimento do dólar. Amparado pela alta de papéis como Anglo American (+11,12%), Tullow Oil (2,33%) e Glencore (+6,23%), o índice FTSE-100 da bolsa de Londres fechou em alta de 1,03%, aos 6.273,40 pontos.

"Os mercados europeus estão finalmente refletindo a segunda metade do pregão de sexta-feira nos EUA após o fraco relatório de emprego", disse Joshua Mahony, analista de mercado da IG.

No entanto, operadores disseram que o mercado repercutiu certa precaução antes do discurso de Yellen desta segunda-feira. Investidores aguardam seus comentários atrás de um direcionamento após a fraca leitura do payroll de maio.

Em Paris, o índice CAC-40 fechou em alta de 0,04%, aos 4.423,38 pontos. As ações da Valeo tiveram o pior desempenho do pregão após notícias sobre um desdobramento de ações. Em Frankfurt, o DAX subiu 0,18%, aos 10.121,08 pontos.

Em Milão, o FTSE-Mib avançou 0,74%, aos 17.625,00 pontos, enquanto em Madri, o Ibex-35 ganhou 0,25%, aos 8.823,50 pontos. Em Lisboa, o PSI-20 teve ganho de 0,13%, aos 4.791,61 pontos. Fonte: Dow Jones Newswires.