22°
Máx
14°
Min

Bovespa firma tendência de queda após Nova York

Depois de uma abertura volátil, a Bovespa firmou-se em queda nesta quinta-feira, 1º de setembro, pouco depois do início dos negócios em Wall Street. Às 10h40, o Ibovespa recuava 0,24%, aos 57.764,35 pontos, contrariando os ganhos de suas pares na Europa.

Enquanto as ações da Vale sobem mais de 1,0% acompanhando o bom desempenho das mineradoras internacionais, os papéis de Petrobras e bancos pesam, impondo o sinal negativo ao índice à vista.

Em Wall Street, as bolsas de Nova York recuam em meio à cautela um dia antes do relatório oficial de emprego dos Estados Unidos, o payroll, que pode ser decisivo para os próximos passos do Federal Reserve.

Na agenda internacional, o destaque fica por conta do pronunciamento nesta tarde da presidente do Fed de Cleveland, Loretta Mester, que vota nas reuniões de política monetária e pode reconduzir as apostas para o futuro dos juros nos EUA.