21°
Máx
17°
Min

Bovespa mantém sinal negativo após abertura em Wall Street

(Foto: Dario Oliveira / Estadão Conteúdo) - Bovespa mantém sinal negativo após abertura em Wall Street
(Foto: Dario Oliveira / Estadão Conteúdo)

A Bovespa chegou a ensaiar uma melhora, mas voltou ao terreno negativo após a abertura dos mercados em Wall Street nesta segunda-feira, 25. Às 10h36, o Ibovespa recuava 0,34%, aos 52.725,67 pontos, pressionado principalmente pelas ações de Vale e siderúrgicas.

No mesmo horário, os papéis da mineradora exibiam perda de 3,00% (ON) e 3,85% (PNA), em sintonia com suas pares globais em meio a preocupações com a China. O setor reage também a sinais de que a Austrália deve impor tributação anti-dumping contra o aço chinês. A decisão pode diminuir a demanda pelo insumo e, assim, reduzir a demanda por minério do país asiático.

Internamente, as atenções estão voltadas para o Senado, que definirá a composição da comissão especial que avaliará o impeachment da presidente Dilma Rousseff. Os investidores também monitoram as movimentações do vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB), que negocia eventuais nomes caso assuma efetivamente o governo.

Em Wall Street, as bolsas de Nova York abriram em queda e o tom na manhã desta segunda é de cautela, enquanto os investidores aguardam a reunião de política monetária do Federal Reserve, que começa amanhã. Os analistas praticamente descartam um aumento de juros neste mês, mas aguardam pistas sobre os próximos passos do BC, sobretudo em meio a opiniões divergentes dentro da instituição.