24°
Máx
17°
Min

Bovespa recua em linha com aversão a risco nas bolsas e petróleo em queda

A Bovespa ficou em queda após a abertura dos negócios desta sexta-feira, 1º de abril, alinhada ao desempenho negativo das Bolsas europeias e das ações em Wall Street. Outra influência nociva são os preços do petróleo, que recuam mais de 3%, e aqui, o cenário é de cautela com o quadro político, após o Supremo Tribunal Federal (STF) confirmar que as investigações envolvendo o ex-presidente Lula ficarão no âmbito da corte e com uma nova fase da Operação Lava Jato em curso. Nos demais ativos domésticos, dólar e juros futuros estão em alta.

Às 10h25, o Ibovespa, após abrir em baixa de mais de 1%, cedia 0,89%, aos 49.608,72 pontos, com as principais blue chips, como Petrobras, Vale e bancos, com desvalorização entre 2% e 3%. No exterior, o petróleo Brent para junho negociado em Londres cedia 3,94%, após o sinal da Arábia Saudita de que pode não congelar sua produção, a menos que outros grandes produtores se unam aos esforços para conter o excesso de oferta global.

Na Europa, a Bolsa de Frankfurt cedia 2,76%; a de Londres, 1,33% e a de Paris, 2,57%. Dow Jones (-0,30%) e S&P 500 (-0,36%) mostraram abertura negativa.

O investidor está na defensiva, dadas as preocupações com o ritmo da economia global. Para o banco BNP Paribas, a economia japonesa pode ter entrado novamente em uma leve fase de recessão no primeiro trimestre deste ano ou mesmo já no trimestre final de 2015. Na quinta-feira à note, a Markit Economics informou que o índice dos gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) do setor industrial do país recuou de 50,1 pontos em fevereiro para 49,1 em março.

Na manhã desta sexta, a Markit informou o que o índice de atividade de gerentes de compra (PMI, na sigla em inglês) da indústria brasileira subiu de 44,5 em fevereiro para 46 em março.

Ainda, o mercado digere o relatório de emprego nos EUA, referente a março, cuja leitura é a de que pode favorecer uma alta de juro norte-americano, a despeito dos discursos recentes de dirigentes do Federal Reserve estarem no sentido contrário. O payroll mostrou a criação de 215 mil vagas, pouco acima das previsões de 213 mil. A taxa de desemprego terminou o mês em 5%.

No front político, nesta sexta-feira, a Polícia Federal iniciou uma nova etapa da Operação Lava Jato, a 27ª Fase, chamada de Operação Carbono 14, com foco na investigação de esquema de lavagem de capitais de cerca de R$ 6 milhões "provenientes do crime de gestão fraudulenta do Banco Schahin".

Segundo o procurador Diogo Castor de Mattos, José Carlos Bumlai, amigo de Lula, fez empréstimo fraudulento de R$ 12 mi com banco com o objetivo de quitar dívidas do PT. "do valor total emprestado a Bumlai, cerca de R$ 6 mi foram para Ronan Maria Pinto", disse o procurador, em entrevista coletiva.