27°
Máx
13°
Min

Carf adia julgamento de recurso da BM&FBovespa sobre amortização do ágio

O Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) adiou para o período da tarde desta quarta-feira, 18, o julgamento de recurso da BM&FBovespa no processo de amortização do ágio gerado na fusão das duas empresas (BM&F e Bovespa) em 2008.

O processo estava pautado para ser apreciado na manhã desta quarta-feira, mas foi transferido para o período da tarde a pedido das empresas e da Procuradoria da Fazenda Nacional.

É a última instância administrativa para a BM&FBovespa recorrer da autuação da Receita Federal, que levará ao pagamento de mais de R$ 1,1 bilhão. O entendimento do fisco é que o ágio resultante da operação não poderia ser usado para reduzir o valor de tributos devidos pela empresa.