22°
Máx
16°
Min

China deve crescer "cerca de 6,7%" em 2016, diz ex-assessor do PBoC

O crescimento econômico da China em 2016 deve ficar em "cerca de 6,7%", afirmou nesta quinta-feira Li Daokui, ex-assessor do Banco do Povo da China (PBoC, na sigla em inglês), referindo-se a uma pesquisa dele. A segunda maior economia do mundo desacelerou para 6,9% no ano passado e a expectativa geral é de que desacelere mais neste ano.

"O principal desafio neste ano é como garantir que as políticas e as reformas ganhem velocidade", disse Li no intervalo da Conferência Consultiva Política do Povo da China, um conclave anual que aconselha o Legislativo chinês.

O Congresso Nacional do Povo se reúne neste sábado, quando deve estabelecer a meta de crescimento econômico anual do governo.

Li disse que o governo está consciente de como precisa manter o crescimento nos próximos anos, no âmbito de seu plano de desenvolvimento quinquenal, que vai até 2020.

De acordo com o economista, o "grande corte" no compulsório dos bancos pelo PBoC nesta semana gerará efeitos em toda a economia, inclusive ao ajudar empresas a fazer planos de reestruturação. A China anunciou um corte de 0,5% no compulsório. Fonte: Dow Jones Newswires.