22°
Máx
16°
Min

Com Compass, Fiat faz nova investida em SUVs

A Fiat Chrysler Automobiles (FCA) fez na segunda-feira, 26, o lançamento global do novo Compass, terceiro modelo a entrar em produção na fábrica do grupo em Goiana, no norte de Pernambuco, e a nova investida da montadora ítalo-americana no mercado de utilitários esportivos, segmento que ainda consegue driblar a crise.

O carro encerra o ciclo de investimentos de R$ 15 bilhões anunciado em 2013. Com esses recursos, a montadora lançou, além do Compass, o Renegade (outro utilitário esportivo), a picape Toro e o subcompacto Mobi. O próprio parque industrial de Goiana, cujo orçamento passou de R$ 7 bilhões, fez parte desse ciclo de investimento.

A meta do grupo é vender 2,5 mil unidades do Compass por mês, ou 30 mil carros por ano. Com o Renegade, a marca já emplacou no mercado brasileiro 75 mil unidades desde seu lançamento, há 1 ano e 5 meses.

Equipado com motor 2.0, o modelo, de porte médio, está posicionado acima do Renegade, seu irmão menor no portfólio da marca Jeep e cujo preço parte de R$ 71,99 mil.

O novo SUV - como esse tipo de veículo também é conhecido, na sigla em inglês - chegará às concessionárias no início de novembro, mas já pode ser encomendado nas revendas da Jeep por preço que começa em R$ 99,99 mil.

Depois da estreia no Brasil, o Compass será produzido em outras fábricas do grupo no mundo a partir do ano que vem. Como parte das ambições da Jeep de ter a liderança no mercado global de SUVs, a ideia é vendê-lo em mais de 100 países.

"O Jeep Compass vai fazer a ponte entre o megassucesso Renegade e nossa tradicional linha de importados, composta por Cherokee, Wrangler e Grand Cherokee", diz Sérgio Ferreira, diretor-geral da Jeep na América Latina, no comunicado de lançamento do modelo.

Sergio Marchionne, presidente global da FCA, veio ao Brasil para acompanhar o lançamento do Compass em Pernambuco e comandar uma reunião do conselho executivo do grupo, realizada fora do eixo Turim-Detroit a cada seis meses. Nesta terça-feira, 27, o executivo italiano estará em Brasília para participar de uma audiência com o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles. Não há previsão de novos anúncios nesse encontro.

Entre as tecnologias oferecidas pelo novo modelo estão controle de velocidade de cruzeiro adaptativo (acompanha o ritmo do veículo da frente), sistema de manutenção de faixa e aviso de prevenção de colisão frontal. O Compass vem para disputar mercado com modelos como Honda CR-V, Toyota RAV4, Hyundai ix35 e Kia Sportage, entre outros. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.