22°
Máx
14°
Min

Confiança do consumidor cai 1,4 ponto em março ante fevereiro, aponta FGV

O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) caiu 1,4 ponto em março ante fevereiro, atingindo 67,1 pontos, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) na manhã desta terça-feira, dia 29. O resultado interrompe dois meses de altas consecutivas.

Segundo a FGV, o índice voltou a cair puxado pela piora da percepção do consumidor em relação à situação atual. "Após ensaiar uma recuperação, a confiança do consumidor voltou a cair em março. Desta vez influenciada por um movimento de piora das finanças familiares", avaliou a economista Viviane Seda Bittencourt, coordenadora da Sondagem do Consumidor no Instituto Brasileiro de Economia da FGV (Ibre/FGV), em nota oficial.

O Índice da Situação Atual (ISA) caiu 2,8 pontos em março, para 66,3 pontos, menor patamar da série histórica. Já o Índice de Expectativas (IE) recuou 0,4 ponto, para 69,0 pontos.

O levantamento abrange informações de mais de 2,1 mil domicílios coletadas entre os dias 1 e 22 de março. O indicador é calculado dentro de uma escala de pontuação de até 200 pontos. Quanto mais próximo de 200, maior é o nível de confiança do consumidor.