27°
Máx
13°
Min

Consumo de combustíveis cai 1,9% em 2015, revela ANP

O levantamento de vendas de combustíveis da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) indicou uma queda de 1,9% no consumo total de combustíveis em 2015, na comparação com o ano anterior. A queda foi puxada, sobretudo, pelo fraco desempenho da economia.

Segundo Waldyr Barroso, diretor da agência reguladora, a perspectiva é que neste ano haja uma estabilidade no volume de vendas. "Devemos ter um comportamento bem parecido, em função da própria queda na economia. Acredito que deve espelhar o que aconteceu ao longo de 2015, com estabilidade nas vendas em relação a 2015", avaliou Barroso.

Para ele, o perfil do consumo neste ano também vai depender do resultado da safra de açúcar, que interfere sobre a produção de etanol e seus preços. "O consumidor vai para o posto com uma calculadora. Quando ele percebe que o preço do etanol está deslocado em até 70% em relação à gasolina, rapidamente ele entende que é vantajoso o etanol pela mesma quantidade de energia", completou.

De acordo com os dados apresentados nesta manhã, as vendas de gasolina no País caíram 9,2% em 2015 ante o ano anterior. Acompanhando o fraco desempenho da economia, o consumo de diesel também recuou, em 4,7%. Apenas o consumo de etanol cresceu no País, na faixa de 37,5%, como alternativa para o consumidor frente à elevação do preço dos combustíveis.