24°
Máx
17°
Min

Crise no Brasil retira até 1,5 ponto porcentual do PIB argentino, diz ministro

(Foto: Divulgação) - Crise no Brasil retira até 1,5 ponto porcentual do PIB argentino, diz ministro
(Foto: Divulgação)

A crise econômica brasileira deve ter impacto de 1,0 a 1,5 ponto porcentual do Produto Interno Bruto (PIB) da Argentina, afirmou o ministro da Fazenda argentino, Alfonso Prat-Gay.

Em um evento na Espanha, onde falou a veículos locais, o ministro disse não ter dúvidas de que a queda da demanda no Brasil está impactando as exportações argentinas. "O Brasil poderia definir se crescemos ou se caímos. Sua recessão é para nós uma preocupação a curto prazo", afirmou.

Prat-Gay acrescentou que o Brasil vive uma situação de incerteza política, mas que, neste momento, o governo argentino entende que isso não agrava a situação econômica. "Caso isso aconteça, teríamos que revisar nossas previsões", completou.

Ele destacou ainda que, no plano internacional, o governo de Mauricio Macri aposta em um rápido acordo entre o Mercosul e a União Europeia (UE). "Somos o governo que voltou a colocar este acordo sobre a mesa e temos pressa em avançar na direção certa", disse.