22°
Máx
14°
Min

Déficit do setor externo é o menor para janeiro desde 2009, pela nova série

Com base na atualização da série histórica do balanço de pagamentos apresentada nesta terça-feira, 23, pelo Banco Central (BC), o déficit de US$ 4,817 bilhões das transações correntes registrado em janeiro foi o menor para o mês desde 2009. Naquele ano, diante do impacto da crise financeira internacional, o déficit em conta corrente brasileira somou US$ 3,450 bilhões.

A instituição atualizou nesta terça a nova série histórica das transações correntes (BPM6) até 1995. A intenção é retroagir toda a série até 1947 no próximo mês. Em abril do ano passado, o BC passou a adotar nova metodologia para essas contas, em linha com a contabilidade internacional. A série era válida apenas de 2010 até hoje.

Gasto com viagens

Com base na atualização da série histórica do balanço de pagamentos apresentada pelo BC, os gastos líquidos de brasileiros com viagens internacionais em janeiro, de US$ 190 milhões, foram os menores desde março de 2009, quando somaram US$ 124 milhões. Naquele ano, a economia do mundo todo sentia os efeitos mais fortes da crise financeira internacional.

Dentro dessa conta, as despesas no exterior somaram US$ 840 milhões no mês passado, a menor cifra desde maio de 2009, quando foi de US$ 779 milhões. Já a receita obtida com viagens de estrangeiros no Brasil no mês passado foi de US$ 650 milhões, a maior desde julho de 2014, quando somou US$ 785 milhões.