22°
Máx
16°
Min

Economia da Rússia continua a contrair em meio a consumo e investimentos fracos

A economia da Rússia continuou a contrair em maio, assim como a demanda dos consumidores e a atividade de investimento, os principais condutores da economia da Rússia, que se deterioraram ainda mais, de acordo com dados divulgados pelo Serviço de Estatística Federal.

Após um crescimento de 7% ao ano, em média, no início dos anos 2000, o Produto Interno Bruto (PIB) da Rússia encolheu 3,7% em 2015 e continuou a se contrair por causa dos baixos preços do petróleo e das sanções ocidentais.

A recuperação econômica em termos anuais está previsto para começar em breve, mas o consenso é que uma diminuição da demanda e a queda dos investimentos de capital estão pesando.

O Serviço de Estatística Federal disse que o investimento de capital caiu 4,8% em maio na comparação anual, no mesmo ritmo que em abril.

As vendas no varejo, um indicador da demanda do consumidor, caiu de 6,1% na mesma base de comparação, que é mais do que analistas esperavam, depois de ter caído 4,8% em abril. No mês passado, as vendas no varejo subiram 0,8%.

A renda familiar real disponível caiu 5,7% em maio ante o mesmo período do ano anterior, após encolher 7,1% no mês passado.

O Serviço de Estatística Federal também disse que a produção industrial cresceu 0,7% em maio ante um ano atrás após alta de 0,5% em abril. Alguma recuperação no setor manufatureiro fornece terreno para as expectativas de que a recessão não será tão prolongada quanto o anteriormente esperado. Fonte: Dow Jones Newswires.