27°
Máx
13°
Min

Eutelsat lança satélite para ampliar cobertura de internet e TV no Brasil

Com o objetivo de ampliar a oferta de banda larga no interior do País e reforçar as transmissões de TV nos Jogos Olímpicos de 2016, um novo satélite com cobertura nacional foi lançado ao espaço na madrugada desta quarta-feira, 9, pela Eutelsat em Kourou, na Guiana Francesa. Com capacidade de transmissão de pelo menos 25 gigabits por segundo (Gbps), o equipamento também facilitará a troca de dados entre a América do Sul e países da Península Ibérica, na Europa.

Embora a companhia tenha uma frota de 40 satélites orbitando o planeta, sendo três deles com seus transmissores voltados para o País, o equipamento batizado como Eutelsat 65 West A é o primeiro da empresa a cobrir todo o território nacional, ocupando uma posição satelital outorgada pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) em 2013.

O satélite lançado hoje irá operar nas bandas C e KU para a transmissão de TV digital e na banda KA para a banda larga de alta velocidade. De acordo com o diretor-geral da Eutelsat no Brasil, Rodrigo Campos, toda a capacidade de internet do equipamento já foi vendida para a Hughes Brasil, que comercializará esse potencial no atacado e no varejo.

"Já a capacidade de transmissão de TV poderá ser negociada com emissoras em contratos específicos para os Jogos Olímpicos, ou por meio da ampliação de contratos já existentes com a Eutelsat", afirmou o executivo. "Esse satélite será o nosso carro-chefe no Brasil devido a sua grande capacidade", completou.

Além de atender todo o território nacional, o alcance do novo satélite inclui os países andinos da América do Sul e áreas da América Central e do Norte. Parte dos transmissores alcançará inclusive Portugal e Espanha, podendo ser utilizados para o aumento das trocas de dados entre as Américas e a Europa. Além disso, nas próximas semanas, a companhia lançará mais um satélite que ampliará ainda mais a cobertura na região.

"As redes terrestres de cabos e fibras ópticas não têm cobertura suficiente para atender ao crescimento da demanda nos mercados de serviços de dados. Por isso, diversas empresas estão apostando na solução via satélite", acrescentou Campos. "O lançamento de hoje é um passo estratégico para a Eutelsat no Brasil", concluiu.