21°
Máx
17°
Min

Leilões de geração devem ocorrer este ano, diz ministro de Minas e Energia

Os leilões de geração de energia devem ocorrer neste ano, mas podem sofrer um ajuste de cronograma em relação às datas previstas atualmente, indicou o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho.

De acordo com ele, uma definição depende ainda da chegada do novo presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Luiz Barroso. "Estamos aguardando o Barroso, da EPE, que chega no final do mês. Já temos conversado com ele", disse. Barroso é sócio na consultoria PSR e está se desvinculando de suas funções para assumir o cargo na empresa de planejamento do governo.

Coelho Filho lembrou que atualmente o setor passa por um momento de sobrecontratação, mas ponderou que os leilões são importantes pelo incentivo a indústria e sinalização de médio e longo prazos. "Nossa disposição é de fazer, mas para começar a fazer os leilões, temos que equacionar algumas coisas antes", disse.