22°
Máx
16°
Min

Lucro líquido da Bunge atinge US$ 203 milhões no 4º tri de 2015


São Paulo, 11/2 - A empresa norte-americana de agronegócio Bunge reportou lucro líquido de US$ 203 milhões (US$ 1,30 por ação) no quarto trimestre de 2015. Em igual período do ano anterior, a empresa havia registrado prejuízo líquido de US$ 54 milhões (US$ 0,43 por ação).

A receita atingiu a cifra de US$ 11,133 bilhões no trimestre, representando uma queda de 15,85% ante os últimos três meses de 2014, quando as vendas somaram US$ 13,231 bilhões. O CEO da Bunge, Soren Schroder, destacou que a empresa economizou aproximadamente US 100 milhões com programas de melhoria de performance. "No último trimestre do ano, a Bunge administrou as condições desafiadoras do mercado, aproveitando nosso posicionamento global equilibrado para se beneficiar das boas margens de processamento de soja e crescentes exportações de grãos da América do Sul", afirmou.

No segmento de agronegócios, a receita totalizou US$ 7,907 bilhões no trimestre, contra US$ 9,326 bilhões do mesmo período do ano passado, com uma retração de 15,21%. O volume vendido recuou 8,29%, totalizando 33,99 milhões de toneladas.

A receita da divisão de açúcar e bioenergia, com forte operação no Brasil, somou US$ 991 milhões, queda de 27,02% ante resultado de US$ 1,358 bilhão relatado no quarto trimestre de 2014.

No acumulado do ano, o lucro líquido da empresa somou US$ 791 milhões, 53,59% superior ao registrado em 2014, quando o lucro foi de US$ 515 milhões. A receita, no entanto, apresentou retração de 23,93%, de US$ 57,161 bilhões em 2014 para US$ 43,483 bilhões no ano passado.

Em 2015, a Bunge realizou a recompra de ações no valor de US$ 300 milhões e anunciou que pretende readquirir, neste ano, mais US$ 100 milhões em papéis em posse do público.