27°
Máx
13°
Min

Lucro líquido da Caixa cai 15,8% e atinge R$ 1,6 bilhão no 2º trimestre

A Caixa Econômica Federal registrou retração de 15,8% no lucro líquido do segundo trimestre, para R$ 1,6 bilhão, na comparação com o montante visto um ano antes, de R$ 1,935 bilhão. Na comparação com os três meses anteriores, porém, foi visto aumento de 92,1%.

No primeiro semestre, o lucro líquido da Caixa totalizou R$ 2,4 bilhões, retração de 31,4% ante igual período de 2015, de R$ 3,483 bilhões.

"O comparativo trimestral do lucro do segundo trimestre mostra tendência de crescimento em nosso resultado. O foco da Caixa é melhor qualidade de originação, sustentabilidade e eficiência", comentou Gilberto Occhi, presidente da Caixa, em coletiva de imprensa, na manhã desta sexta-feira, 12.

Carteira de crédito

A carteira de crédito da Caixa ampliada totalizou R$ 691,6 bilhões ao final de junho, leve alta de cerca de 1,00% em relação a março, de R$ 684,162 bilhões. Em um ano, aumentou 6,7%. "Teremos mais de R$ 210 bilhões para investir na economia no segundo semestre", disse Ochi.

Inadimplência

O índice de inadimplência da Caixa foi a 3,20% ao final de junho, redução de 0,31 ponto porcentual em relação a março. Em um ano, porém, houve aumento, uma vez que o indicador estava em 2,85%.