22°
Máx
16°
Min

Mercado prevê déficit primário de 2016 em R$ 134,178 bi, mostra Prisma Fiscal

Os analistas do mercado financeiro elevaram a projeção de déficit para as contas do governo neste ano para R$ 134,178 bilhões, segundo a mediana das expectativas do Prisma Fiscal de maio, divulgado pelo Ministério da Fazenda. No mês passado, a previsão era de R$ 104 bilhões.

Para junho, a previsão mediana é de um déficit primário de R$ 13,620 bilhões, ante um déficit de R$ 12,399 bilhões previsto no mês anterior. O levantamento aponta para um déficit primário de R$ 104,843 bilhões em 2017, ante R$ 92,080 bilhões anterior.

A arrecadação prevista para 2016 passou de R$ 1,274 trilhão para R$ 1,273 trilhão no documento divulgado nesta quinta-feira, 16.

O Prisma também colheu as previsões para a receita líquida do governo, que passou de R$ 1,090 trilhão para R$ 1,086 trilhão. A expectativa para despesa total para 2016 foi de R$ 1,200 trilhão para R$ 1,225 trilhão em 2016.

O porcentual da dívida bruta na proporção do Produto Interno Bruto (PIB) passou de 74% do PIB em 2016 para 74,35% do PIB.