22°
Máx
17°
Min

Meta fiscal que prevê déficit de R$ 170 bilhões será cumprida, diz Meirelles

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, reforçou nesta quinta-feira, 11, que a meta fiscal que prevê déficit primário de R$ 170 bilhões para este ano será cumprida. Meirelles frisou que o ministério trabalha com projeções em relação ao desempenho das contas públicas a fim de aferir se este objetivo será atingido ao final do ano e que "as previsões são de que o déficit será cumprido". Embora tenha dito que não é necessário adotar medidas complementares agora, ele ressaltou que, se houver alguma necessidade, as medidas serão tomadas. "Mas o compromisso será cumprido", reforçou.

O ministro ressaltou que a meta "é realista", pois se baseia "na verdade" em relação à situação da arrecadação e das despesas oficiais. Meirelles fez uma ponderação que ainda há alguma dúvida sobre o patamar de recursos que serão arrecadados com a repatriação de recursos locados no exterior e não declarados à Receita Federal.

Nesta quarta-feira, 10, o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, mencionou que a programação orçamentária do governo para este ano já atingiu um déficit de R$ 169 bilhões dos R$ 170,5 bilhões que prevê a meta fiscal de 2016.