23°
Máx
12°
Min

MG assume risco de demanda e financia voos regionais

O governo de Minas Gerais começará a vender na quarta-feira as passagens aéreas para 12 cidades do interior do Estado. Serão cerca de 60 voos semanais, com preço médio de R$ 300, que fazem parte de um projeto da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig) para fomentar o tráfego aéreo no Estado.

O governo fez uma licitação e contratou uma empresa de fretamento para operar os voos. À medida em que as passagens forem vendidas, o governo recupera o valor investido - o orçamento do projeto é de até R$ 20 milhões.

"São voos que não têm demanda expressiva e não interessam às empresas aéreas. Nós assumimos o risco de demanda", diz Fernanda Machado, diretora de fomento à indústria criativa da Codemig.

Os voos serão feitos em quatro aviões Caravan, capazes de transportar até nove passageiros. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.