21°
Máx
17°
Min

Pedidos de auxílio-desemprego nos EUA recuam para 268 mil na semana

O número de pedidos de auxílio-desemprego nos Estados Unidos registrou queda de 10 mil na semana encerrada em 21 de maio, para 268 mil, no cálculo com ajustes sazonais, segundo pesquisa do Departamento de Trabalho. Esta foi a segunda semana consecutiva de queda acentuada, um sinal de que a oferta de emprego continua a aumentar de forma modesta e que o mercado de trabalho segue forte.

O dado caiu mais do que a previsão dos analistas consultados pela Dow Jones Newswires, que previam queda para +275 mil. Os pedidos de auxílio-desemprego alcançaram o menor nível em quatro décadas em meados de abril, antes de aumentarem de forma acentuada no início deste mês.

O indicador da semana passada marcou a 64ª semana consecutiva em que os pedidos ficaram abaixo de 300 mil, na sequência mais longa desde 1973. O dado da semana anterior de +278 mil não foi revisado.

A média móvel das últimas quatro semanas, que é calculada para reduzir a volatilidade do dado, mostrou alta de 2.750 pedidos, a 278.500 na semana passada.

O número total de pessoas que recebem auxílio-desemprego no país aumentou 10 mil na semana encerrada em 14 de maio, a 2,16 milhões. Esse indicador específico é divulgado com uma semana de atraso. Fonte: Dow Jones Newswires.