21°
Máx
17°
Min

Política monetária sozinha não pode levar a um crescimento equilibrado, diz G-20

(Foto: Georgina Coupe/ Number 10) - Política monetária sozinha não pode levar a um crescimento equilibrado, diz G-20
(Foto: Georgina Coupe/ Number 10)

Os principais chefes financeiros do planeta renovaram seu compromisso de usar seus orçamentos para impulsionar o crescimento global e alertaram contra o excesso de confiança na política monetária.

"Reiteramos o nosso compromisso de usar todas as ferramentas políticas - monetárias, orçamentais e estruturais - individual e coletivamente para promover a confiança e reforçar o crescimento", afirmaram em um comunicado os membros do G-20, o grupo das 20 maiores economias do planeta.

Embora o G-20 tenha observado que os mercados financeiros recuperaram a maior parte do terreno perdido no início do ano, quando as preocupações sobre a China e petróleo fraco provocou uma onda de vendas em todo o planeta, o grupo disse que "o crescimento continua a ser modesto e desigual, e os riscos e incertezas para as perspectivas mundiais insistem em persistir".

No início desta semana, o Fundo Monetário Internacional (FMI) rebaixou a sua previsão para o crescimento global, alertando que a volatilidade financeira, a baixa inflação e a turbulência geopolítica ameaçam paralisar uma recuperação teimosamente fraca.

Embora o FMI tenha pedido às principais economias por um plano de contingência coordenado, o G-20 não oferece quaisquer novas prescrições ou sinaliza que tem qualquer emergência para novas ações. Fonte: Dow Jones Newswires.