22°
Máx
14°
Min

Procon de Londrina realiza mutirão para ‘super endividados’

(foto: Marcos Santos/USP Imagens) - Procon de Londrina realiza mutirão para ‘super endividados’
(foto: Marcos Santos/USP Imagens)

Na próxima semana, os cidadãos que têm problemas com dívidas nos serviços de telefonia poderão negociá-las através do primeiro “Mutirão de Super Endividamento”, promovido pelo Núcleo Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-Ld) de Londrina, em parceria com o Ministério Público de Defesa do Consumidor.


 O serviço estará disponível entre os dias 24 a 27 de outubro, das 9 às 17 horas, na sede do Procon, que fica na Rua Mato Grosso, 299. As senhas de atendimento serão entregues até às 15 horas. Na sexta-feira (28), não haverá atendimento devido ao feriado do Dia do Servidor Público.

 No local, estarão presentes representantes das empresas TIM; CLARO, NET, EMBRATEL; VIVO e GVT e SERCOMTEL, que fornecerão equipamentos e sistema de senhas para o atendimento, bem como condições especiais para pagamento à vista e a prazo. Os interessados encontrarão dois funcionários de cada instituição telefônica para atendê-los. De acordo com o coordenador executivo do Procon-Ld, Rodrigo Brum, a população poderá encontrar melhores alternativas para a resolução dos problemas financeiros relacionados às telefônicas.

“Durante o mutirão, o consumidor poderá resolver seu débito com as empresas, que oferecerão melhores condições de negociação e acordo do que as normalmente disponibilizam. Além disso, o cidadão que tiver o nome retirado do SCPC e do Serasa poderá voltar a desfrutar, se desejar, dos produtos e serviços disponíveis no mercado, o que é muito importante, visto que a telefonia celular é algo essencial nos dias de hoje”, explicou Brum.

 Segundo o coordenador do Procon-Ld, todas as empresas participantes enviaram relatórios de descontos e prazos, que praticarão durante a semana. Algumas poderão dar desconto de 20% a 80%, com a possibilidade de parcelamento em mais 10 vezes, além da não cobrança de juros ou correção monetária.

 A quantidade de desconto, o prazo em aberto do débito e o tempo de pagamento da dívida dependerão do produto envolvido, se telefonia móvel, fixa, internet ou torpedos, por exemplo, assim como das necessidades de cada consumidor. “Sabemos que, nos últimos anos, a telefonia móvel está em primeiro lugar no número de reclamações, por isso vamos realizar essa ação, que deve em dezembro ter sua segunda edição, no mutirão com as empresas bancárias”, finalizou.