Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Procon de Maringá fiscaliza espera e fila em agências bancárias

O Serviço de Proteção e Defesa ao Consumidor (Procon) está fiscalizando as agências bancárias em Maringá. Os agentes querem saber se os bancos estão cumprindo a lei que estipula um tempo limite de espera nas filas, de 20 minutos.

Em vigor há alguns anos, a lei ainda gera reclamação por parte de clientes. O Procon explica que o cliente não deve jogar fora a senha de atendimento ou deixá-la no caixa. Caso o atendente não queira entregá-la, deve pedir uma cópia.

Se o tempo for ultrapassado, os clientes devem procurar o Procon, que agora terá uma nova forma de agir para garantir que os consumidores não sejam prejudicados. Todos os bancos, segundo o diretor do Procon, Rogério Calazan, serão notificados. 

A mesma regra vale para as filas de supermercados. Por isso, os clientes devem ficar atentos ao tempo de espera. Se sentirem lesados, podem comprovar que tiveram o direito violado.

Colaboração: Kelly Moraes/Rede Massa.