26°
Máx
19°
Min

Programa de desligamento voluntário da Petrobras tem adesão de 11,7 mil

O plano de desligamento voluntário da Petrobras teve adesão de 11,704 mil empregados. Em comunicado, a estatal informa que se encerrou o prazo para o Programa de Incentivo ao Desligamento Voluntário (PIDV), mas que o número ainda pode ser alterado, devido a inscrições realizadas em papel e postadas até 31 de agosto. Também a companhia ressalta que até a data de homologação da rescisão, os empregados podem desistir da adesão.

O custo anteriormente previsto, levando em conta 12 mil empregados, era de R$ 4,4 bilhões, com uma economia esperada de R$ 33 bilhões até 2020. Neste nível de adesão, o custo no momento é de cerca de R$ 4 bilhões, o que será consolidado após o término do prazo para os desligamentos.

O PIDV, iniciado em 16 de junho, teve até o momento 2.450 contratos de trabalho encerrados. A companhia havia informado provisão de R$ 1,2 bilhão até 30 de junho de 2016, relativo aos gastos previstos com os 4.087 funcionários que haviam aderido ao programa, conforme o balanço do segundo trimestre de 2016.