22°
Máx
14°
Min

Projeção para Selic no fim de 2016 segue em 13,25% no relatório Focus

Duas semanas depois da divulgação do Relatório Trimestral de Inflação e da definição da meta de 2018 (4,5% com bandas de tolerância de 1,5 ponto porcentual), as projeções do mercado para a taxa básica de juros continuam praticamente sem se mexer. O Relatório de Mercado Focus trouxe novamente estabilidade das previsões para a Selic no fim de 2016 em 13,25% ao ano e para 2017, em 11,00% aa. Mas, para o grupo dos analistas consultados que mais acertam as projeções, a taxa - que atualmente está em 14,25% ao ano - deverá ter uma queda menor à frente.

Um mês atrás, o boletim apontava a Selic em 13,00% para o encerramento de 2016 e em 11,25% para o fim de 2017. No caso da Selic média, a mediana das previsões se manteve em 14,06% para o horizonte de 2016 ante 13,97% de quatro semanas atrás. Já para 2017, a mediana do mercado para a Selic média permaneceu em 11,67% pela terceira vez - um mês antes estava em 11,65% ao ano.

Considerando as estimativas do grupo dos analistas consultados que mais acertam as projeções, o chamado Top 5 da pesquisa Focus (médio prazo), a projeção para o fim deste ano voltou a subir, de 13,50% aa, para 14,00% aa., ante 13,75% aa de quatro semanas atrás. Para 2017, a mediana também teve alta, de 10,50% aa para 11,25% aa - como estava um mês antes.

Câmbio

O mercado financeiro voltou a revisar as projeções para o câmbio deste e do próximo ano. O Relatório de Mercado Focus, divulgado pelo BC nesta segunda-feira, 11, apresentou que a cotação da moeda estará em R$ 3,40 no encerramento de 2016 ante R$ 3,46 do levantamento anterior - um mês atrás, estava em R$ 3,65. Com isso, o câmbio médio de 2016 passou de R$ 3,51 para R$ 3,47 - um mês antes, estava em R$ 3,65.

Para 2017, a mediana recuou de R$ 3,70 para R$ 3,55 de uma divulgação para a outra - quatro semanas atrás estava em R$ 3,81. Já o câmbio médio do ano que vem caiu de R$ 3,61 para R$ 3,53 de um levantamento para o outro - estava em R$ 3,81 um mês atrás.