28°
Máx
17°
Min

Saída de dólares supera entrada em US$ 5,997 bi no ano até dia 22 de abril

(Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil) - Saída de dólares supera entrada em US$ 5,997 bi no ano até dia 22 de abril
(Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

O fluxo cambial do ano até o dia 22 de abril segue no vermelho, mas diminuiu o resultado negativo de forma intensa nos últimos dias, ficando em US$ 5,997 bilhões. Até o primeiro dia deste mês, as saídas superavam as entradas em US$ 10,021 bilhões. As informações foram divulgadas nesta quarta-feira, 27, pelo Banco Central. Apesar da melhora recente, o resultado ainda está distante ao verificado em igual período do ano passado. Em 2015 até o dia 22 de abril, as entradas superavam os envios em US$ 9,732 bilhões.

A retirada de dólares pelo canal financeiro neste ano até o dia 22 de abril foi de US$ 16,926 bilhões. Esse resultado no ano é fruto de entradas no valor de US$ 135,458 bilhões e de envios no total de US$ 152,384 bilhões. Este segmento reúne os investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

Já no comércio exterior, o saldo anual acumulado ficou positivo em US$ 10,929 bilhões até o mesmo dia, com importações de US$ 36,687 bilhões e exportações de US$ 47,615 bilhões. Nas exportações estão incluídos US$ 8,964 bilhões em Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 13,162 bilhões em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 25,490 bilhões em outras entradas.

Abril

Com dois meses seguidos de fluxo cambial negativo, as entradas de recursos em dólar do Brasil em abril até o dia 22 superaram as saídas em US$ 4,365 bilhões, conforme o Banco Central. Em fevereiro, a evasão foi de US$ 9,294 bilhões e, em março, de US$ 2,543 bilhões - em janeiro, o resultado ficou positivo em US$ 1,475 bilhão.

O ingresso de dólares pelo canal financeiro em abril até o dia 22 foi de US$ 464 milhões, resultado de entradas no valor de US$ 27,961 bilhões e de retiradas no total de US$ 27,497 bilhões. Este segmento reúne os investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

Já no comércio exterior, o saldo de no período ficou positivo em US$ 3,901 bilhões, com importações de US$ 6,473 bilhões e exportações de US$ 10,374 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 1,989 bilhão em ACC, US$ 2,843 bilhões em PA e US$ 5,542 bilhões em outras entradas.

Semana

O fluxo cambial de 18 a 22 de abril ficou positivo em US$ 415 milhões, conforme o Banco Central. A semana passada contou com um dia útil a menos por causa do feriado na quinta-feira, Dia de Tiradentes (21). No período em questão, não houve nenhum dia de grande destaque de entradas ou saídas maciça de recursos, já que o volume diário não superou US$ 600 milhões em nenhuma ocasião.

O envio de dólares pelo canal financeiro no período foi de US$ 859 milhões, resultado de entradas no valor de US$ 6,670 bilhões e de envios no total de US$ 7,529 bilhões. Este segmento reúne os investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

Já no comércio exterior, o saldo ficou positivo em US$ 1,274 bilhão no período, com importações de US$ 1,771 bilhão e exportações de US$ 3,045 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 512 milhões em ACC, US$ 842 milhões em PA e US$ 1,691 bilhão em outras entradas.