21°
Máx
17°
Min

Tradener assina contrato com geradoras para exportar energia para Argentina

A Tradener, comercializadora de energia, informou nesta quinta-feira, 30, que deu início ao processo de assinatura de contrato com as geradoras para exportação de energia para a Argentina.

A companhia foi autorizada na semana passada pelo Ministério de Minas e Energia a exportar até 2.100 MW médios de potência para o país vizinho por meio da Estação Conversora de Frequência de Garabi. A Tradener foi a escolhida pela CAMMESA - Compañia Administradora del Mercado Mayorista Eléctrico S.A - para fornecer energia gerada por térmicas brasileiras.

Com validade até dezembro de 2018 e preço médio de R$ 300,00/MWh, a estimativa da empresa é que a transação possa gerar uma receita de até R$ 500 milhões mensais para o Brasil.

"Essa exportação é de extrema importância para o setor energético e para o Brasil, especialmente neste momento de crise. É uma movimentação que em nada prejudica a segurança energética porque são usinas que atualmente não estão operando", destaca o presidente da Tradener, Walfrido Avila, em nota.

O executivo acrescenta que a comercialização ao país vizinho será responsável por movimentar o setor, gerar receita para geradoras que, , não têm uma demanda estabelecida, além de aumentar a receita da balança comercial do país, gerar empregos e renda e auxiliar a Argentina em um momento de alta demanda por energia.