27°
Máx
13°
Min

Turquia e Rússia fecham acordo para construção de gasoduto entre os dois países

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, e o da Rússia, Vladimir Putin, fecharam nesta segunda-feira um acordo para a construção de um gasoduto entre os dois países. Além disso, os dois líderes buscaram avançar com os esforços para normalizar laços.

Os governos dos dois países fecharam o projeto que deve levar gás da Rússia até a Turquia, para posterior distribuição para as nações da União Europeia. O projeto estava suspenso em meio a tensões bilaterais, mas agora o acordo foi fechado.

Putin anunciou que a Rússia concordou em reduzir os preços para exportar gás natural para a Turquia e também a retomada da importação de frutas, vegetais e outros produtos agrícolas do país. Os russos estão construindo a primeira usina nuclear da Turquia e Erdogan disse que os dois lados concordaram em acelerar esse projeto. "Estou convencido de que o processo de normalização de nossos laços continuará rapidamente", afirmou Erdogan durante entrevista coletiva conjunta.

Este foi o terceiro encontro entre Erdogan e Putin desde junho, quando o líder turco pediu desculpas à Rússia por derrubar um avião russo na fronteira da Síria. O incidente prejudicou bastante as relações bilaterais. A Rússia respondeu com o envio de defesa aérea de longo alcance para sua base aérea na Síria e também impôs sanções econômicas contra a Turquia.

As duas nações mantêm grandes diferenças em relação à Síria. Moscou apoia o presidente Bashar al-Assad na guerra civil no país, enquanto a Turquia quer a retirada de Assad do poder e apoia inimigos do regime sírio. Putin disse que a Turquia e a Rússia concordam sobre a necessidade de entregar ajuda à cidade de Alepo, na Síria, mas há divergências sobre a "segurança" das rotas de entrega. Fonte: Associated Press.