26°
Máx
19°
Min

Valor de passagens para voos domésticos diminui em 2016, aponta pesquisa

(Foto: Fábio Motta / Estadão Conteúdo) - Valor de passagens para voos domésticos diminui em 2016
(Foto: Fábio Motta / Estadão Conteúdo)

A recente queda de quase 20% no preço do dólar em relação ao real fez com que o turismo internacional ficasse cada vez mais aquecido. No entanto, o preço mais baixos das passagens aéreas para trechos nacionais deve estimular gradativamente os consumidores a voltarem a viajar dentro do país.

O valor das passagens caiu 8% e isso acompanha a retração na busca por destinos nacionais. O trecho de São Paulo - Salvador, que desde o início de 2015 é o mais buscado no site da agência de viagens online, ViajaNet, teve queda de procura em 2016. No entanto, é esperado que a diminuição nos valores faça que os brasileiros voltem a buscar destinos dentro do país.

Em 2015, o ticket médio das passagens nacionais era de R$ 453, enquanto este ano chegou a R$ 414. A comparação, feita pelo ViajaNet, leva em consideração o primeiro semestre de 2015 e o mesmo período deste ano.

Queda ainda não foi assimilada pelos consumidores brasileiros

Mesmo com a diminuição no valor das passagens, ainda são os destinos internacionais que têm recebido maior destaque. A procura por Buenos Aires cresceu, passando de 5,42% no primeiro semestre de 2015 a 6,75% no mesmo período de 2016.

Porém o turismo interno deverá acompanhar essa tendência decrescimento. “Mesmo com um número menor na procura por passagens aéreas, as companhias têm feito mais promoções o que atrai um público com maior flexibilidade para escolher datas de viagens”, destacou Gustavo Mariotto, Marketing Manager do ViajaNet.

Consumidores estão mais ávidos por descontos e economia no setor de viagens, de acordo com os dados da agência de viagens online. “Conseguimos observar que nesse primeiro semestre de 2016 nossos consumidores têm pesquisado mais e a ferramenta “Quando Viajar” auxilia a encontrar a melhor data, junto com o melhor preço”, ressaltou Mariotto. Neste primeiro semestre, o ViajaNet, teve aumento de 9% nas vendas de passagens, nacionais e internacionais, comparado com o mesmo período de 2015.