27°
Máx
13°
Min

Variação de contingente de desocupados, de 2,859 milhões, é recorde, diz IBGE

O crescimento do contingente de pessoas desocupadas do trimestre encerrado em janeiro de 2015 para o trimestre encerrado em janeiro de 2016, de 2,859 milhões de pessoas, foi recorde na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua, iniciada no primeiro trimestre de 2012 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). De acordo com Cimar Azeredo, coordenador de Trabalho e Rendimento do IBGE, há seis meses essa variação tem ficado acima de 2 milhões de pessoas por mês.

O nível de ocupação no País - população ocupada em relação a população em idade de trabalhar - caiu a 55,5%, um recuo de 1,2 ponto porcentual em um ano.

"Com a queda da população ocupada e aumento do número de pessoas em idade de trabalhar, o nível de ocupação é menor", diz Cimar Azeredo, coordenador de Trabalho e Rendimento do IBGE.