22°
Máx
16°
Min

Aluna do Ceebja vence concurso com música sobre Zumbi dos Palmares

Elizene Queiroz da Silva, 43 anos, aluna do Ceebja CIC, é uma das vencedoras do Prêmio Orirerê (Foto: Hedeson Alves/SEED) - Aluna do Ceebja vence concurso com música sobre Zumbi dos Palmares
Elizene Queiroz da Silva, 43 anos, aluna do Ceebja CIC, é uma das vencedoras do Prêmio Orirerê (Foto: Hedeson Alves/SEED)

Elizene Queiroz da Silva, 43 anos, aluna do Centro Estadual de Educação Básica para Jovens e Adultos (Ceebja) CIC, em Curitiba, é uma das vencedoras do Prêmio Orirerê, que homenageia o líder quilombola Zumbi dos Palmares. Ela ganhou o primeiro lugar na categoria Música do concurso, feito em parceria pela Secretaria de Estado da Educação e Centro Cultural Humaita. 

Elizene, 43 anos, não teve a oportunidade de frequentar a escola na idade adequada, mas sempre desejou retornar à sala de aula para concluir o ensino médio, conseguir um bom emprego e melhorar a vida da família. Natural de Itamaraju, na Bahia, Elizene mudou para Curitiba em 2014. Depois de conseguir um emprego e se habituar à cidade, voltou à sala de aula. 

“Às vezes deixamos o aprendizado de lado por circunstâncias que a vida nos impõe, mas depois percebemos a falta que ele faz. Quando voltei me senti muito feliz porque estou realizando um dos maiores objetivos da minha vida, que é concluir os estudos.” 


Elizene não teve dificuldade para retomar a rotina escolar. O motivo: o hábito da leitura. “Os livros sempre foram aliados fundamentais em minha vida”, disse a estudante. 

A ideia de participar do concurso, que nesta edição teve 800 trabalho inscritos, surgiu nas aulas de Filosofia. Elizene já conhecia um pouco da história de Zumbi dos Palmares, mas foram necessárias muita leitura e pesquisa sobre a biografia e feitos do líder quilombola para compor a canção Zumbi quem Manda Aqui. “O concurso resgata o valor da cultura afro-brasileira na história do Brasil”, lembrou. 

O Paraná tem 97 Centros Estaduais de Educação Básica para Jovens e Adultos (Ceebjas), que atendem mais de 140 mil estudantes acima de 15 anos. Além dos Ceebjas, a Secretaria de Estado da Educação conta com 245 escolas que ofertam a educação para jovens e adultos. 

Concurso

O Prêmio Orirerê foi criado em 2009 pelo Centro Cultural Humaitá para valorizar e dar visibilidade à herança cultural e à presença negra no Paraná. O concurso é feito em parceria com a Secretaria de Estado da Educação, sob a coordenação do Departamento da Diversidade/Coordenação da Educação das Relações da Diversidade Étnico Racial. 

Os vencedores das categorias Texto, Painel e Música vão conhecer o Museu afro Brasil, em São Paulo. Os trabalhos vencedores serão divulgados em eventos culturais para compartilhar conhecimentos e fortalecer a reflexão sobre as contribuições da atuação de Zumbi dos Palmares na história brasileira. 

Informações Prefeitura Municipal de Curitiba